Cão naufragado na ilha, resgatado pela Marinha dos EUA

O cão tinha estado desaparecido no mar durante mais de um mês ao largo da costa de San Diego.

A Marinha dos EUA salvou esta semana um náufrago invulgar numa ilha remota – Luna, um pastor alemão de 1 ano de idade. Ela tinha estado desaparecida no mar durante mais de um mês ao largo da costa de San Diego. “Há cinco semanas, ela tinha ido borda fora do barco de pesca do seu proprietário a cerca de 2 milhas (3,2 km) da Ilha de San Clemente”, explicou a Base Naval de Coronado no Facebook. Esta semana, o animal apresentou-se ao pessoal da Marinha que atraca na ilha, que fica a 127 km do continente.

Mortos presumivelmente mortos. “Ela estava emaciada mas ilesa” após “cinco semanas de sobrevivência em terreno difícil”, disse a base, acrescentando que tinha sido transportada por via aérea para a base de San Diego. Luna, uma pastora alemã de olhos azuis penetrantes, foi deixada ao cuidado de um amigo da família até o seu dono regressar de uma viagem de negócios este fim-de-semana. Este último tinha pedido a ajuda da base de Coronado para encontrar o seu cão, que, após alguns dias de buscas infrutíferas e intensas, tinha sido considerado morto no mar.

Um muito bom nadador. “Ele disse-nos que Luna era uma boa nadadora e que tinha 90% de certeza que ela conseguiria aterrar”, disse Sandy DeMunnik, porta-voz da base naval, à ABC. “O nosso pessoal procurou na ilha, em vão”, continuou ela. Na terça-feira de manhã, à chegada a San Clemente, os empregados da Marinha foram saudados por Luna. “Viram Luna sentada na berma da estrada, abanando a sua cauda”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *