Handball. Starligue: O PSG não treme e esmaga o Istres

O Paris Saint-Germain tem caricatura contra o Istres, 44-29, e manteve a sua liderança no topo do Campeonato Francês de Andebol sobre os seus perseguidores Montpellier e Nantes, também vencedores.

Com sete jogos a decorrer, Nantes permanece em segundo lugar com cinco pontos graças à sua fácil vitória no vizinho Cesson-Rennes, 34-23. Montpellier, um ponto atrás, teve muito mais dificuldade em sair de problemas em Dunquerque, 23-22.

Os parisienses, ainda invictos (18 vitórias, 1 empate), acabaram com os Istreans, que ainda estavam numa série de vitórias em três jogos (os seus únicos três da época), sinónimo da esperança de permanecerem no jogo. Liderando por cinco golos no intervalo, os quatro vezes detentores do título descolaram no segundo tempo atrás do dinamarquês Mikkel Hansen, que cumpriu o título de melhor jogador do mundo que acabou de lhe ser atribuído (9 golos, incluindo 3 penalties).

Itres, rival de sobrevivência, Cesson-Rennes, também recebeu uma lição de Nantes, no seu novíssimo palácio desportivo onde perderam ambos os seus jogos.

Liderando por apenas um objectivo no intervalo (17-16), o “H” alargou o fosso após o intervalo. Pivot Nicolas Tournat (7 golos) e o espanhol David Balaguer (6 golos) foram os mais eficazes no ataque.

Nantes preparou-se bem para o seu jogo de regresso à Liga dos Campeões. Terá de voltar de dois golos no sábado contra Rhein Neckar da Alemanha.

Montpellier voltou a ganhar, uma semana após a sua perda de casa para Ivry, provavelmente paralisante na corrida pelo título, mas foi duro. Foi um jogo duro, mas foi um jogo dominado pelas defesas, e o MHB manteve-se, apesar da expulsão do guarda-redes Vincent Gerard, que tinha feito dez defesas até esse momento, por uma falta a 20 minutos do fim. Melvyn Richardson foi o artilheiro do jogo com sete golos (incluindo 2 penalties).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *