Lycanthropy: definição de licantropia


LYCANTHROPY, substantivo feminino

Aged, MED. Uma forma de ilusão em que o sujeito se acredita transformado em lobo (ou, p. ex., em algum animal) e imita o seu comportamento. É certo, além disso, que os afectos leprosos, satíriasis, licantropos, dependeram, em todos os tempos, de alterações profundas da linfa; e que se manifestam pela primeira vez pelo ingurgitamento geral de todo o sistema glandular (Cabanis, Rapp. phys. et mor, Vemo-lo (…) mergulhado num sonho de lascívia contínua, desesperado pela sua cobardia, exaltando-se, querendo matar-se, odiando as mulheres, adorando-as, finalmente, transformado numa besta ao ponto de cair num ataque de licantropia, e ladrando (por amor) como um cão! (Proudhon, Pornocracy, 1865, p. 244).

– Vx. Insanidade mental em que era vista na Idade Média como a manifestação de um poder maligno. O falso leão era um importante ritual mágico relacionado com crenças tão profundas como as da licantropia e no qual os feiticeiros demonstravam o seu poder de intimidação sobre a multidão (Games and Sports, 1967, p. 794).Cf. werewolf A e werewolf1.
Pronúncia e Orth.: . Att. ds Ac. dep. 1694. Etymol. and Hist. 1564 (Marconville, Recueil mémorable d’aucuns cas merveilleux, fo82 vo: Ceux aussi qui sont passionnez d’une maladie ont ceste imagination qu’ilz pensent estre transmuez en Loups). Emprestado de Gr. λ υ υ κ α ν θ ρ ω π ι ́ α, do mesmo sentido que os franceses. Bbg. Delb. Matér. 1880, p. 193.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *