O actor britânico David Prowse, que retratou Darth Vader, morreu aos 85 anos de idade

A actor britânico David Prowse, que retratou Darth Vader na primeira trilogia da Guerra das Estrelas, morreu no sábado de manhã aos 85 anos de idade, anunciou no domingo o seu agente Thomas Bowington.

“É com grande tristeza que temos de anunciar que o nosso cliente Dave Prowse morreu ontem de manhã (sábado) com a idade de 85 anos”, escreveu o agente no Facebook.

“Que a força esteja com ele, sempre!” disse o agente à BBC, lamentando uma “verdadeira e profundamente desoladora perda para nós e para milhões de fãs em todo o mundo”.

Actor-turned-halter David Prowse tinha conseguido o papel devido à sua construção – ele tinha quase 1,98m de altura – mas como o Bristol, nativo do oeste de Inglaterra com sotaque pesado foi considerado inadequado, a voz do personagem foi interpretada por James Earl Jones.

Tinha representado a Inglaterra no levantamento de pesos para os Jogos da Commonwealth no início da década de 1960, antes de iniciar uma carreira de actor.

Coura preta, respiração mecânica e poderes inteiramente dedicados ao mal, a personagem de Darth Vader entrou no panteão das personagens malignas graças à famosa frase: “Eu sou o teu pai”.

“Vader é o maior vilão de ecrã grande de todos os tempos”, afirmou David Prowse à AFP em 2013 durante um festival Star Wars em Cusset (Allier).

Durante muitos anos, o representante do lado negro da força viajou pelo planeta para se encontrar com os fãs da trilogia da bandeira da década de 1980.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *